Meia 92

quarta-feira, 24 de julho de 2024
quarta-feira, 24 de julho de 2024

Vale a pena “largar mão” dos estudos nas férias?

unnamed (26)

O mês de Julho chegou e, com ele, as aguardadas férias, um período de descanso e lazer para os estudantes. No entanto, professores alertam para o risco de “abandonar” completamente os estudos neste período. A continuidade da preparação, mesmo que de forma mais leve, pode trazer diversos benefícios e evitar o “esquecimento” de tópicos já aprendidos ao longo do semestre.

 

Segundo Michel Arthaud, professor de Química e diretor da Plataforma Professor Ferretto, o equilíbrio entre descanso e os estudos é fundamental para garantir que os alunos mantenham o ritmo sem se sobrecarregar. “As férias são uma ótima oportunidade para relaxar, mas também é importante manter o cérebro ativo. Uma pausa total pode acarretar uma dificuldade maior para retomar os estudos quando as aulas voltarem”, alerta o docente.

 

Para ajudar os estudantes a encontrarem esse ponto de equilíbrio, Michel listou algumas dicas:

 

Crie um cronograma flexível

O planejamento dos estudos é essencial para os estudantes, mas no período das férias, o cronograma pode ser mais flexível para desfrutar de momentos de descanso. “Estabeleça um horário diário ou semanal para os estudos. Não precisa ser rigoroso, mas deve incluir momentos para leitura, revisão de matérias ou exercícios leves”, recomenda. “Dessa forma, os alunos podem manter o contato com o conteúdo, sem se sentirem pressionados.”

 

Combine o estudo com atividades livres

É importante incluir atividades de lazer, que podem contribuir para os estudos de forma indireta, pois os conteúdos serão absorvidos de maneira mais leve. “Encontre formas de aprender que também sejam divertidas. Isso pode incluir jogos educativos, visitas a museus ou exposições, leitura de livros de interesse pessoal ou participação em workshops”, sugere.

 

Estabeleça metas pequenas e alcançáveis

Tente não se cobrar demais durante o período de férias, coloque objetivos pequenos para não se frustrar. “Em vez de tentar estudar muitas horas seguidas em um único dia, defina metas menores e as distribua ao longo da semana. Isso ajuda a manter a motivação e evita o estresse”, explica ele. “Pequenas conquistas diárias são mais fáceis de gerenciar e proporcionam uma sensação de progresso constante.”

 

Desenvolva novas habilidades

Aproveite o tempo livre para aprender algo novo que seja interessante e útil. Isso pode incluir aprender um novo idioma, tocar um instrumento musical ou desenvolver habilidades artísticas. “Explorar novas áreas de conhecimento pode ser revigorante e inspirador, e faz parte do processo de aprendizado”, finaliza Arthaud.

Conteúdo Relacionado

Rolar para cima