fbpx

Meia 92

sábado, 18 de maio de 2024

Maio Amarelo: 5 cuidados com a manutenção do carro que passam despercebidos

Busy crowded traffic jam on the road

De acordo com dados do Sistema de Informações Gerenciais de Acidentes de Trânsito do Estado de São Paulo (Infosiga), o estado de São Paulo contabilizou 1.240 óbitos no trânsito durante o primeiro trimestre de 2024. Em comparação com o mesmo período do ano anterior, quando foram registradas 1.108 fatalidades, houve um aumento de 11,9%.

‘Maio Amarelo’ é o mês dedicado à conscientização sobre a segurança no trânsito, e uma das formas mais eficazes de promover essa segurança é garantir que os veículos estejam em condições adequadas de funcionamento. No entanto, muitas vezes, alguns cuidados com a manutenção do carro acabam passando despercebidos, o que pode resultar em prejuízos financeiros e até mesmo colocar em risco a segurança dos ocupantes.

“Esses detalhes podem ser observados no dia a dia e quando ações preventivas são tomadas, é possível diminuir a dor de cabeça e aliviar o bolso”, explica Leonardo Furtado, superintendente do Auto Shopping Internacional.

Pensando nisso, Leonardo Furtado elencou 5 cuidados importantes que podem manter a manutenção do carro mais assertiva, além de evitar alguns custos. Confira:

Para quem dirige, calibrar os pneus é tarefa fundamental

Para muitos pode soar como besteira, mas alguns motoristas vão ao posto para abastecer e ficam com preguiça de “perder” alguns minutos para checar a calibragem dos pneus. Consequência? Os pneus descalibrados ocasionam um desgaste na roda e automaticamente aumentam o consumo de combustível, pois o carro fica mais pesado para dirigir. “Os pneus devem ter uma atenção semanal, seguindo sempre as regras da montadora para não ultrapassar a pressão indicada no manual”, sugere Furtado.

Você já checou o limpador de para-brisa?

Após um longo período de seca em São Paulo, as chuvas já começam a dar o ar da graça, por isso é importante dar uma atenção extra às palhetas do limpador do para-brisa e do vidro traseiro, se for o caso.

Leonardo explica que depois de muito tempo parados, esses itens acumulam poeiras, podendo ficar ressecados devido a exposição ao sol. O resultado é a perda da capacidade na hora de expelir a água da chuva que escorre pelo vidro, prejudicando a visão.

E a bateria? Não vale lembrar apenas quando ficar sem carga…

A bateria não costuma mandar lembranças antes de perder a carga e deixar o motorista na mão. Por isso, é indicado guardar o comprovante da garantia da bateria e anotar no calendário quando foi a última vez que o item foi checado. A dor de cabeça pode ser evitada se a manutenção do veículo for feita com frequência.

Tome cuidado com o alinhamento da direção

Intuição de motorista é igual ao extinto materno: não falha. Por isso, se você está sentindo que a direção do veículo está se comportando de maneira estranha – puxando para o lado contrário, por exemplo – é porque tem alguma coisa errada. Entre inúmeros problemas, o desalinhamento de direção pode ser o principal. “Devido às ruas esburacadas, a direção pode ficar desajustada, prejudicando a segurança. Neste caso, é necessário procurar por uma checagem mais profissional”, alerta o superintentende.

Lembre-se das lâmpadas dos faróis e lanternas

Muitas vezes os motoristas só percebem que o veículo está com uma luz queimada quando são parados em uma blitz e presenteados com uma multa. “Neste caso, a checagem pode ser feita pelo próprio condutor dentro de casa com a ajuda de alguém para verificar se há alguma lanterna ou lâmpada queimada”, finaliza.

Conteúdo Relacionado