fbpx

Meia 92

sábado, 2 de março de 2024

Condomínios mais modernos inovam em segurança e tecnologia

Design sem nome (1)

Atualmente, uma forma de investimento em segurança e comodidade para a construção de novos condomínios é o uso de ferramentas que o transformem em tecnológico. Ao implementar processos e dispositivos que podem ser controlados por wi-fi, além de terem fácil acesso, pela casa e fora dela, com aplicativos de celular, portões, portarias e até câmeras, o controle que moradores e gestores podem ter fica mais palatável e acessível.

Para ter uma boa comunicação estabelecida entre os dispositivos, é preciso uma conexão de qualidade com a internet e de dispositivos que tenham a capacidade de se conectarem. Hoje em dia, é comum vermos alguns exemplos já dentro das casas, como as SmatTVs, aparelhos de ar-condicionado que podem ser ligados à distância, alimentador de animais, entre outros. A proposta desses aparelhos é fazer com que os moradores tenham mais liberdade para fazerem suas tarefas e ter tempo livre.

No entanto, é importante entender que, para que esses aparelhos possam, realmente, fazer suas funções e conversarem entre si e com o controle dos moradores, é preciso uma conexão de qualidade e velocidade que permita tudo de forma mais “limpa”.

De acordo com Josafá Luz, CEO da Loomy, “Ao ter uma conexão de internet boa, não são somente as ferramentas e dispositivos internos da casa que ganham uma certa autonomia, mas alguns aparelhos que podem ficar do lado de fora da casa também passam a ter funções maiores e mais importantes, como as câmeras de segurança. Sendo possível fazer com que elas se mexam com mais liberdade e que sejam acessadas pelos moradores de qualquer lugar que estejam, a sensação de que a casa está mais segura faz com elas tenham um papel e importância maior do que os atuais”.

Além disso, num ambiente de condomínio, as empresas também oferecem serviços como as portarias inteligentes, onde o acesso é unicamente permitido por pessoas que não estão presentes no local. Assim, há menos riscos contra a segurança do edifício. Para os moradores, atualmente, a biometria ou o reconhecimento facial estão auxiliando na identificação de quem faz parte daquele lugar ou não.

Em alguns casos, há a possibilidade de agendamentos e avisos para a presença de alguma visita, deixando claro quem estará no condomínio, por quanto tempo e para que motivo. Dessa forma, qualquer movimento diferente pode ser identificado e questionado, caso haja a necessidade.

Na visão de Luz, “Essas novas formas de auxiliar e melhorar a vida em condomínio faz com que essa realidade seja mais requisitada pelos moradores. Já é natural que uma boa conexão com a internet seja bem vista e que todo e qualquer dispositivo que facilite ou proteja a vida dos moradores de um lugar passe a ser presente na vida das pessoas, trazendo uma nova realidade. Nesse contexto, o estabelecimento de condomínios assim e de empresas que os ajudem na implementação apresentam ao público uma forma moderna, segura e confiável de moradia, alterando o entendimento padrão”.

Nessa nova fase dos condomínios, o acesso à internet pode solucionar muitos dos problemas e questões que o cotidiano traz, com novas maneiras de trazer comodidade às pessoas e novas formas de segurança para todos os contemplados por essas tecnologias.

Conteúdo Relacionado