fbpx

Meia 92

sábado, 2 de março de 2024

Rock progressivo: Banda Vitral celebra 40 anos e lança o álbum ‘Os Loucos’ dia 30/08

Banda-Vitral---Bruno-Moscatielo

O grupo de rock progressivo instrumental Vitral (https://www.facebook.com/bandavitral) lança nesta quarta-feira (30/08) o novo álbum intitulado ‘Os Loucos’. A produção marca a comemoração dos 40 anos da primeira formação da banda, formada em 1983 no Rio de Janeiro, e estará disponível no Bandcamp (www.vitralband.bandcamp.com).

‘Os Loucos’ é um projeto criativo dentro do cenário do rock progressivo instrumental. Para essa gravação, o cofundador da banda, Eduardo Aguillar (teclados e baixo ), reuniu um time de primeira para o Núcleo do Vitral: Bruno Moscatiello (Nataraj/Kaoll /solo), na guitarra / violão, e Marco Aurêh (LummeN/Palma/solo), nas flautas. Gustavo Miorim, músico, produtor e mestre de bateria em São Paulo, completa o elenco como músico convidado. Ainda não há previsão de data para o lançamento da sua edição em CD.

Surpresa sonora

Em função da sua riqueza e multiplicidade, o novo trabalho certamente agradará aos mais exigentes amantes da música progressiva. Em cada faixa, uma surpresa sonora agradável. As músicas passeiam por várias nuances. Ora um vigoroso solo de guitarra com o aporte de uma bateria nervosa, ora suaves solos introspectivos de flauta, instrumento presente em todas as faixas.

Embora o som seja instrumental, as músicas de uma forma subjetiva revelam situações simbólicas, históricas e místicas. Os títulos já nos induzem a viajar por variados contextos: “Reinos do Norte”, “Sete Povos das Missões”, “Nas Asas de Horus”, “Montezuma”, “Via Appia”, “O Grande Exército Pagão”…

Confira a música “Reinos do Norte” https://www.youtube.com/watch?v=oQKZdFKiRms

A banda

VITRAL é um grupo de rock progressivo instrumental formado em 1983 no Rio de Janeiro pelos músicos:

– Claudio Dantas – bateria e percussão

– Eduardo Aguillar – baixo, teclados e guitarra

– Elisa Wiermann – teclados

– Luis Bahia – guitarra e baixo

A banda ficou aproximadamente dois anos em atividade e pouquíssimos registros existem desta época. Em 2015, graças a algumas partituras, raras fotos e fitas cassete com gravações domésticas encontradas em seu velho arquivo, Eduardo Aguillar teve a ideia de produzir um álbum com músicas compostas para a banda.

O que seria um trabalho solo se transformou no desejo de unir os antigos integrantes para participarem do projeto. Proposta imediatamente abraçada por Claudio Dantas, partiram para as gravações de teclados, baixo e bateria. Os resultados começaram a surgir e as velhas músicas brotavam das cinzas.

Claudio propôs então relançar a banda para shows e novas produções. Chegava a hora de reconstruir o grupo com renovadas experiências e inspirações para, inclusive, concluir as gravações do que já tomava forma de álbum.

VITRAL – 2016/2018

Um ano após a revirada dos velhos arquivos, o VITRAL voltou com músicos que, além de participarem de outras bandas e/ou realizarem seus trabalhos solos, resolveram também fazer parte dessa nova história do rock progressivo nacional. Assim nasceu “Entre as Estrelas”, primeiro álbum da banda, lançado em 2017 pelo selo Masque Records e  também disponível no www.vitralband.bandcamp.com

Completamente instrumental, o álbum traz uma mistura de influências e inspirações em três músicas, sendo uma delas, a faixa título, uma suíte de 52 minutos dividida em treze movimentos. “Entre as Estrelas” foi muito bem recebido pela crítica e público no Brasil e no mundo tendo em sua formação:

– Claudio Dantas – bateria e percussão (Quaterna Réquiem /cofundador do Vitral)

– Eduardo Aguillar – teclados e baixo (solo / cofundador do Vitral)

– Luiz Zamith – guitarra e violão (Ícones do Progressivo / solo)

– Marcus Moura – flautas (Bacamarte / solo)

– Vítor Trope – baixo nos shows (Orquestra Rio Camerata )

Em 2018, após dois shows para o lançamento do álbum, no Rio de Janeiro, várias mudanças foram acontecendo no mundo e também no VITRAL. Junto com as mudanças, a ideia de um novo álbum, agora com músicas atuais, começava a nascer e, já no final do ano, ele já estava praticamente todo desenhado. E assim surgiu ‘Os Loucos”, que será lançado neste dia 30/08. Sobre o título, a capa e a viagem de cada um…“E aqueles que foram vistos dançando foram julgados insanos por aqueles que não podiam escutar a música.” (Friedrich Nietzsche)

FICHA TÉCNICA

Vitral – Os Loucos

Produzido por VITRAL

Músico convidado: Gustavo Miorim – bateria

Quadro da capa: Claudio Dantas – @claudiodantaspainter

Mixado e masterizado no Laboratório Pedra Branca, Rio de Janeiro, Brasil

Apoio: A BELA MÚSICA KAZA 8

Músicas compostas e arranjadas por Eduardo Aguillar

Lançamento dia 30 de agosto de 2023

Conteúdo Relacionado