fbpx

Meia 92

segunda-feira, 26 de fevereiro de 2024

Confira algumas dicas contra golpes de falsos pagamentos do Desenrola Brasil

ciclo_do_numer__rio

Consumidores devem procurar sempre os canais oficiais de atendimento  

O início do Programa Desenrola Brasil, iniciativa do governo federal em parceria com diversas instituições financeiras para ajudar brasileiros com dívidas em atraso a limpar seus nomes, traz um alerta: o risco de golpes. Para ajudar a manter a segurança e bem-estar financeiro, a Recovery, empresa do Grupo Itaú e plataforma especialista em recuperação de crédito no Brasil, listou alguns cuidados de proteção contra golpes para se evitar falsos pagamentos para fraudadores.

Muitos consumidores são impactados por meio de redes sociais. O primeiro cuidado é checar se o perfil da empresa na rede social é verdadeiro antes de clicar em qualquer link. Isso porque as páginas fakes criadas por golpistas são muito parecidas com os sites oficiais, por isso é importante avaliar a URL do site, ou seja, o endereço que consta no navegador e até mesmo endereço de e-mail que consta após o @. Antes de iniciar qualquer diálogo ou fornecer dados é fundamental checar se o endereço da conta é mesmo oficial e/ou se possui o símbolo de conta verificada (✅). Essa mesma dica vale para contas no WhatsApp, cheque sempre se o número que entrou em contato com você de fato pertence à empresa que diz representar.

“É preciso ter muita cautela, especialmente quando alguém envia links e pede para clicar neles. Esses golpes são conhecidos como “phishing” e podem causar sérios danos à sua segurança digital e privacidade. Desconfie de mensagens de remetentes desconhecidos ou de empresas que possuem contas não verificadas. Se você receber uma mensagem de alguém que não conhece ou de uma fonte não confiável, seja cauteloso e não clique”, alerta Marcela Gaiato Martins, Diretora de Produtos B2C, Marketing e Atendimento ao Cliente da Recovery.

Conferir dados de boletos  

O pagamento de boletos também requer atenção. Para se certificar que está pagando um boleto da instituição para a qual se destina, note primeiro o código de barras. Desconfie de boletos com códigos de barra falhados ou com espaço entre as barras e tamanho com diferenças grosseiras, principalmente aqueles que não permitem o reconhecimento pela leitora e obriga a pessoa a digitar o código. Prefira pagamentos feitos através de leitor do caixa eletrônico ou do celular, uma vez que boletos fraudados não são lidos por esses mecanismos. Outra dica é conferir se o número do código de barras aparece na parte superior e inferior. Além disso, os primeiros 3 números devem ser o código do banco que emitiu o boleto e os dígitos finais devem corresponder ao valor que será pago

Outra dica importante é conferir os dados do beneficiário, ou seja, quem vai receber o pagamento. Certifique-se que o nome e o CNPJ são mesmo da empresa que você vai pagar.

Conteúdo Relacionado