fbpx

Meia 92

terça-feira, 25 de junho de 2024

Com duelo contra número 1 do Mundo, Marcelo Casanova é prata no GP nacional de Judô Paralímpico, em São Paulo

IMG-20230503-WA0060

Marcelo Casanova teve mais um grande desafio rumo aos objetivos da temporada. O atleta do Recreio da Juventude conquistou o vice-campeonato do GP nacional de Judô Paralímpico, disputado em São Paulo, nesta quarta-feira (3). O ouro escapou justamente para um dos principais adversários do judoca do Clube no ciclo paralímpico rumo aos Jogos de Paris, em 2024. O francês Helios Latchoumanaya, atual número 1 do Mundo na categoria -90kg da classe J2, participou da competição e superou Casanova – que ocupa o quarto lugar no ranking mundial – com uma imobilização na luta final.

Antes da decisão, Casanova havia vencido duas lutas por ippon. Na final, o teste em nível internacional foi o principal combate no Centro de Treinamento Palímpico. O francês, que fez um período de treinamentos em algumas academias do Rio de Janeiro, aproveitou o GP para enfrentar o atleta do Recreio da Juventude, com quem ainda não havia cruzado nas competições fora do país por desencontros nos chaveamentos.

Na avaliação do técnico Giovani Cruz, a oportunidade de encarar Latchoumanaya neste evento foi importantíssima dentro do período de preparação de Casanova: “Foi uma grande oportunidade de poder lutar contra o número 1 do Mundo. Isso já faz com que não se tenha um efeito surpresa lá na frente por nunca terem se enfrentado, quando os dois se encontrarem em outros campeonatos, como os Jogos Mundiais. Estou bem orgulhoso do desempenho dele”.

Marcelo seguirá em São Paulo para um período de treinamentos com a Seleção Brasileira, até o dia 11 de maio. A sequência da temporada de Casanova, que terá pela frente os Jogos Mundiais, na Inglaterra, em agosto, o Parapan-americano, no Chile, em novembro, além da sequência do Grand Prix internacional, com disputas no Azerbaijão, em setembro, e no Japão, em dezembro.

Conteúdo Relacionado