fbpx

Meia 92

sexta-feira, 14 de junho de 2024

Sistemas de energia: especialista aponta principais diferenciais da energia fotovoltaica

Divulgação

A energia solar fotovoltaica é uma das principais fontes energéticas do país. O Brasil, terceiro maior do mundo em irradiação solar, atingiu crescimento de produção superior a 1 GW por mês, número que corresponde a capacidade de abastecimento de uma cidade com 500 mil residências, nos últimos dias de 2022, segundo dados da Associação Brasileira de Energia Fotovoltaica- Absolar.

Este modelo converte a luz solar em energia elétrica através de painéis solares fotovoltaicos e se destaca pela economia, praticidade e sustentabilidade. Ramon Pissaia, CEO da Otto Energy, rede que oferece serviços de sistemas de geração de energia solar fotovoltaica para autoconsumo ou investimento, aponta alguns dos diferenciais do sistema.

Economia progressiva

Apesar do investimento com a instalação ser alto, a médio prazo é uma economia significativa, que corresponde a cerca de 95%. “É bom lembrar que a diferença não é instantânea, já que o investimento dos equipamentos precisa ser feito. Porém, a partir da instalação, já é notável a diminuição dos custos com energia elétrica e em 3,5 anos a economia terá pago todo o equipamento instalado”, afirma Ramon.

Sustentabilidade

A energia solar fotovoltaica é uma fonte de energia limpa e renovável, ou seja, não produz emissões de gases de efeito estufa e não depende de combustíveis fósseis, como o petróleo ou o gás natural. “A maior protagonista do processo é a luz solar que, quando captada, é convertida em energia pelos painéis solares que recebem a radiação e enviam ao inversor, aparelho responsável por transformar a corrente contínua em alternada. É dele que sai a eletricidade que alimenta eletrodomésticos, casas e empresas”, explica.

Valorização do imóvel

Para se beneficiar da energia solar fotovoltaica é necessário investir em painéis solares e em equipamentos de armazenamento de energia, como baterias, por exemplo. Ao instalar, o imóvel se torna mais atrativo para o mercado, principalmente em momentos de alta inflação e energia elétrica mais cara. “Esses investimentos funcionam como uma garantia de valorização, já que os painéis solares podem valorizar em até 6% o imóvel. As placas são um benefício econômico, já que, com esse sistema instalado, o valor da conta de luz pode diminuir”, completa o CEO.

Conteúdo Relacionado