fbpx

Meia 92

sábado, 24 de fevereiro de 2024

Primeiro jogo brasileiro de sobrevivência baseado em blockchain, Rio-X lança coleção de NFT’s denominada “A Rebelião dos Crias”

riox-redimensionada (1)

Um dos jogos mais esperados de 2023 abre venda de 5500 NFT’s de personagens jogáveis, via ethereum; Coleção exclusiva vai gerar experiência imersiva do jogo com lançamento para o dia 10 de março

Com previsão de lançamento oficial ainda no primeiro semestre de 2023, o game RIO-X, desenvolvido pela brasileira First Phoenix Studio, em formato FPS (jogo de tiro em primeira pessoa), tem como cenário um Brasil pós-apocalíptico na região do Vidigal, Zona Sul do Rio de Janeiro, onde a disseminação de uma doença infecciosa faz os doentes se comportarem de forma inconsciente e agressiva, a ponto de atacar outras pessoas. Para suprimir o contágio, o governo local construiu muros de contenção e agora quem está dentro não pode sair e quem está fora não pode entrar. O jogo coloca equipes para competir por recursos e jogadores vão combater uns aos outros ao mesmo tempo em que coletam itens de sobrevivência no cenário.

Um desses itens é o RioCoin, um item raro no jogo que pode ser encontrado no mapa e, também, lançado por um avião cargueiro. O item poderá ser consumido dentro do jogo como moeda de troca ou ser extraído fora dele através do Portal RIO-X, uma plataforma web de interação social que também será responsável pela conversão do item para o token RIOX. Tudo isso será gerenciado usando a tecnologia de blockchain, permitindo que os jogadores detentores dos NFT’s usufruam de um ecossistema econômico dentro e fora do jogo.

Nesse cenário, está programada a venda de 5,5 mil NFTs de personagens jogáveis denominada “A Rebelião dos Crias”.

“Nossos NFT’s tem chamado muita atenção do mercado, pois os compradores já terão a experiência de ter acesso ao jogo pós-compra. As vendas estão sendo aguardadas por muitos jogadores, além de mais de 50 streamers”, detalha Jhoniker Braulio, CEO da First Phoenix Studio, empresa brasileira de desenvolvimento de jogos eletrônicos.

Jhoniker destaca, ainda, que enquanto trabalhava na implementação de objetivos do jogo, acompanhou a crescente expansão da web 3.0 e seu relacionamento com o mundo dos jogos e metaverso. “Ficamos fascinados com as infinitas possibilidades que essa tecnologia poderia agregar ao jogo, afinal o nosso game já estava pronto para ser usado e com uma vantagem competitiva, pois os jogos play to earn da web 3.0 estavam pecando muito – focado apenas na distribuição de recompensas e esquecendo de desenvolver um jogo que realmente fosse divertido”, esclarece.

Quando uma doença misteriosa começa a se espalhar nas favelas do Rio de Janeiro, o governo ergue muros para contê-la. 5.500 membros da principal facção de favelas “Os Crias” são deixados para trás e uma rebelião se inicia. Os indivíduos começaram a lutar uns contra os outros, tentando dominar pontos estratégicos da favela.

“A Rebelião dos Crias” é o ponto de partida do RIO-X, uma coleção exclusiva da NFT que oferece uma experiência de jogo imersiva. O RIO-X disponibiliza, também, uma maneira inovadora de integrar outras coleções de NFTs no jogo, criando interoperabilidade entre projetos, agregando utilidade e valor a muitos metaversos. Esse recurso permite que o player também dê uma nova vida ao seu NFT, crie reconhecimento de marca, forme clãs unificados que são facilmente identificados por uma marca e ter um item personalizado exclusivo de acordo com a característica do NFT que o jogador possui na carteira digital.

Lançamento em 10 de março

A primeira coleção de NFT’s exclusiva do RIO – X será lançada nesta sexta-feira, dia 10 de março. Quem conseguiu participar da whitelist, que foi aberta em janeiro de 2023, terá acesso às compras dos 5.500 personagens jogáveis, que irão desbloquear recursos exclusivos no jogo.

Nossos NFT’s tiveram uma boa procura porque o seu retorno será rápido. O Rio-X é um jogo em estágio avançado de lançamento e os nossos NFT’s são de utilidade. Os detentores desses NFTs terão benefícios importantes no jogo e poderão, inclusive, recuperar o investimento em curto prazo e com muita segurança”, destaca o CEO Jhoniker.

Os NFTs do RIO-X permitem com que os jogadores tenham acesso a uma área exclusiva dentro do jogo e a recursos de consumo ou extração do RioCoin, além de oferecerem benefícios como: participação em forma de votos nas tomadas de decisões através da Organização Autônoma Descentralizada (DAO); Skins de armas da coleção Lady Blood; Soulbound Token, um identificador único que não pode ser vendido ou transferido, com a utilidade de chave de acesso à áreas restritas dentro e fora do jogo; Acesso exclusivo a torneios competitivos, organizados por parceiros; Acesso antecipado a versão beta do jogo; Acesso a sorteios e premiações exclusivas; Possibilidade de utilizar o recurso de Staking para obter rendimentos; Descontos exclusivos nos marketplaces parceiros; Vaga garantida na compra de outros produtos do RIO-X; entre outros.

Conteúdo Relacionado