fbpx

Meia 92

sábado, 18 de maio de 2024

Após aporte de R$ 36 milhões, Smart Break busca atingir faturamento de R$ 200 milhões nos próximos 18 meses

9E0551E1-D5C3-4374-90D5-627338FA5447

Pioneira no país no ramo de micromercado – também chamado de honest market (mais conhecido como os mercadinhos de condomínios e empresas), a Smart Break começou 2023 com o pé direito. Em rodada liderada pela Headline, fundo gerido via XP Asset, que conta com Romero Rodrigues como head de venture capital, a startup captou R$ 36 milhões.

Investimento que será utilizado, nos próximos 18 meses, em tecnologia para entender o que o consumidor deseja, para sempre oferecer a melhor experiência de compra, além de crescer de maneira exponencial, de acordo com Rodrigo Colas, fundador e CEO da Smart Break.

“Nosso modelo de negócio está cada vez mais essencial no dia a dia das pessoas. Com a chegada dos novos investidores, que além de investimento vão trazer muito conhecimento para dentro de casa, acreditamos que estamos mais preparados para crescer na mesma velocidade que o mercado demanda, e guiados pelo objetivo de oferecer a melhor experiência de compra e cada vez mais comodidade aos clientes”, destaca.

Na contramão da área tradicional dos supermercados, a Smart Break prevê um crescimento muito significativo das vendas neste modelo de negócio, já que cada vez mais as pessoas buscam comodidade, inovação, conveniência, economia e agilidade. Um levantamento da ABRAS, a Associação Brasileira de Supermercados, projeta uma expansão de apenas 2,5% neste ano, ante a alta de 3,89% em 2022. A medição envolve o volume e tipos de produtos comprados em supermercados e guarda certa correlação com o faturamento dos varejistas.

Apesar dos números indicados pela ABRAS, os micromercados devem apresentar crescimento. De acordo com uma pesquisa realizada pela AMLabs Ventures, com 100 empresas do ramo de honest market, 84% acreditam no crescimento do mercado, sendo que 90% delas já projetam o aumento dos negócios para o começo do ano. E dentro deste aquecimento do mercado, a Smart reforça sua meta de chegar a 1.500 lojas até junho de 2024.

“Fomos a primeira empresa a colocar uma loja de honest micro market em condomínio residencial no país, em 2019, e desde então seguimos na busca diária de revolucionar a forma de consumo das pessoas em seus condomínios residenciais e nas empresas onde trabalham”, afirma Rodrigo Colas.

Hoje a Smart Break é a única empresa de micromercado que possui móveis de gôndolas 100% sustentáveis, reforçando o compromisso com o meio ambiente. No que se refere a produtos, a Smart é a empresa do ramo com a melhor variedade de produtos, trabalhando somente com marcas líderes de mercado e com os preços mais competitivos. Atualmente, já são mais de 160 pessoas que fazem parte do quadro total de funcionários e a empresa conta com algumas vagas em aberto.

Conteúdo Relacionado