fbpx

Meia 92

terça-feira, 25 de junho de 2024

Rihanna flutua sobre o Super Bowl grávida em seu retorno dramático e triunfal ao palco

Rihanna se apresenta no intervalo do Super Bowl 2023 - USA Today Sports

Depois de cinco anos sem pisar o palco, Rihanna se apresentou no Super Bowl, a grande final da NFL, liga de futebol americano, na noite deste domingo.

A apresentação aconteceu no intervalo da disputa pelo título da temporada entre os Philadelphia Eagles e os Kansas City Chiefs. A partida teve início às 20h30, pelo horário de Brasília, no estádio State Farm, no estado americano de Arizona, e o show começou por volta das 22h30.

Embora não tenha feito o anúncio oficialmente antes da apresentação, a cantora deixou evidente que está grávida do segundo filho, tanto pela escolha do figurino, quanto pelo gestual de levar a mão à barriga algumas vezes durante o show. Minutos depois da performance, porta-vozes da cantora confirmaram que ela espera um bebê.

Vestida toda de vermelho, com um macacão por cima de uma espécie de body que evidenciava os seios, cabelos presos em um rabo de cavalo, a cantora surgiu em uma plataforma suspensa, cercada de centenas de bailarinos dispostos em outras plataformas também flutuantes.

Ela abriu a apresentação com “Bitch, Better Have My Money” e partiu para uma sequência de músicas emendadas umas nas outras. Rihanna cantou “Where Have You Been”, “We Found Love”, “Rude Boy”, “Work”, “Umbrella”, “Diamonds”, entre outras canções de seu repertório de hits.

A partir do meio da apresentação, mais bailarinos com o mesmo uniforme —macacões brancos e óculos escuros— apareceram correndo pelo gramado e se juntaram aos que já dançavam com a cantora.

Rihanna retocou a maquiagem (ou fez que retocava), e seguiu a apresentação.

Uma capa também vermelha foi acrescida ao figurino, enquanto uma banda, toda de preto, surgiu no palco para tocar com ela.

Rihanna, que não lança um disco desde janeiro de 2016, manteve sigilo sobre os detalhes do show. A única informação que compartilhou com a imprensa foi a de que sua performance incorporaria elementos da cultura caribenha —Rihanna nasceu em Barbados, no Caribe.

A cantora havia dito recentemente que o nascimento de seu primeiro filho, em maio do ano passado, foi a principal motivação para aceitar o desafio da apresentação.

Para se ter uma ideia da relevância de uma performance desse porte no Super Bowl, vale saber que a Fox, que exibiu o jogo nos Estados Unidos, cobra cerca de US$ 7 milhões para cada empresa anunciar seu produto em 30 segundos no intervalo.

No Twitter, a expectativa era grande. Usuários postaram diversos memes sobre o tempo que precisaram aguardar até que o show tivesse início. Depois de finalizada a apresentação, as postagens focaram no tema da possível gravidez.

Fonte: Folha de S. Paulo

Conteúdo Relacionado