fbpx

Meia 92

sábado, 18 de maio de 2024

Pesquisa revela como o perfil do usuário do transporte rodoviário vem se modificando

transporte

Estudo da startup Embarca mostra que 32% dos passageiros esperam por mais conectividade; 59% das

pessoas já compram por sites ou aplicativos

No momento em que as viagens rodoviárias ganham impulso com as férias, feriado de Carnaval e a alta das passagens aéreas, um levantamento da startup Embarca revela o comportamento dos passageiros rodoviários.

Segundo a pesquisa, 32% dos usuários consideram o acesso à conectividade e serviços online os itens mais importantes durante as viagens, um requisito até mais relevante que o conforto — apontado por 24% das pessoas ouvidas como o fator primordial.

A pesquisa ouviu quase 400 pessoas para mostrar como está mudando o perfil do passageiro de ônibus. Mesmo com a conectividade sendo apontada como fundamental, esse é o quesito que os usuários mais sentem falta no transporte rodoviário, seguido pela qualidade no atendimento e o kit viagem.

De acordo com o levantamento, a forma de comprar as passagens também está mudando. A análise apontou que 59% das pessoas adquirem seus bilhetes diretamente em sites ou aplicativos de venda.

No quesito preferência de viagens o carro próprio é o vencedor, com 65,8%; seguido dos ônibus, com 40,8%; e aviões, com 23%. Destes, 96,8% já viajaram de ônibus e o que faria optar em comprar passagens on-line, 63,2 % disseram que seria o preço baixo, seguido da confiança na empresa de ônibus e segurança.

“Vimos que o segmento vem se digitalizando, num ritmo bem rápido. Os passageiros estão optando pelo online, em busca de preços mais baixos. E os passageiros passaram a esperar, como já acontece nos voos de avião, serviços como wi-fi, entretenimento por streaming e carregadores de USB”, analisa Felipe Gulin, CEO da Embarca.

 

Conteúdo Relacionado