fbpx

Meia 92

sábado, 15 de junho de 2024

Um Conde e seu amor pelos animais

dc4cedae-33cd-41f3-8442-4b85a69c3281

Cada dia é maior o número de pessoas apaixonadas por animais. O mercado pet é um dos que mais cresce. Mas o amor por animais vai muito além de ter um cachorro, ou um gato. Um exemplo disto é o Conde Rodrigo Giglio. No Instagram, há cerca de uma semana ele fez um post nos Stories de seu novo casal de cisnes. Isso mesmo, ele tem um casal de cisnes brancos em casa.

Para ele não existe diferença entre animais domésticos ou exóticos. “Simplesmente quando gosto do animal, não me importa a qual classificação ele faz parte.” Quando perguntado sobre qual animal ainda tem vontade de ter, ele é taxativo. “Essa pergunta não se faz para um amante dos animais, pois a lista é grande. Cacatua negra, águia, um belo felino etc.”, brinca.

Essa paixão vem povoando a casa e o jardim. Hoje, com uma grande diversidade de pets, possui algumas variedades de araras, papagaios, tucanos, grou-coroado, íbis-sagrado, diversas espécies de marrecos, cacatua, coruja, carpas orientais jumbo, cisne negro e branco além de dois cães e dois gatos.

Os animais sempre fizeram companhia para Giglio desde criança. O Conde venerava os bichos, e não tem vergonha disso. “Meu primeiro bichinho de estimação foi um tatuzinho de jardim que eu tinha guardado embaixo da cama, depois me lembro de ter sido presenteado pela minha mãe com um pintinho e um aquário. Com uns 10 anos, meu avô construiu um laguinho que mantenho até hoje com minhas carpas jumbo. Depois ganhei um cachorro Lhasa Apso e um papagaio, daí para frente não parei mais!”, conta.

O conde Rodrigo ressalta que não basta amar os animais, é preciso cuidar muito bem deles. “Falo para todo mundo, não assuma essa responsabilidade se você não estiver preparado. Eles precisam de alimentação adequada, espaço de acordo com as espécies, vacinas, cuidados com a beleza e tudo mais. Feito isso é só desfrutar da alegria que eles nos proporcionam.”

 

 

 

Conteúdo Relacionado