fbpx

Meia 92

segunda-feira, 26 de fevereiro de 2024

Série Docunental “Jamie VS Britney: O julgamento da Família Spears”

novo

CINCO MÚSICAS DE BRITNEY SPEARS QUE ANTECEDERAM O CONFLITO COM O PAI, RETRATADO NA SÉRIE DOCUMENTAL ‘JAMIE VS BRITNEY: O JULGAMENTO DA FAMÍLIA SPEARS’

No dia 12 de novembro de 2021 os fãs e o mundo comemoraram o fim da tutela que concedia a Jamie Spears, pai de Britney Spears, o poder de administrar as finanças e algumas decisões da vida pessoal da princesa do pop. A resolução foi o desfecho de quase 14 anos de luta da artista para recuperar o controle da sua vida e ocorreu, em parte, graças ao movimento mundial ‘Free Britney’, que começou em 2019, após a internação da artista em um centro psiquiátrico, e chegou a ser um fenômeno global a favor da cantora.

O caso é retratado em JAMIE VS BRITNEY: O JULGAMENTO DA FAMÍLIA SPEARS, produção disponível na HBO Max, que apresenta os dois lados da moeda de uma das batalhas judiciais mais longas e impactantes do universo do entretenimento. O público terá acesso pela primeira vez à versão de Jamie, o passado da família Spears, os problemas que Britney teve ao virar celebridade, depoimentos inéditos de colegas e muito mais.

Embora a vida de Britney tenha sido objeto de grandes escândalos nos últimos anos, os fãs se concentram no seu talento, nos seus sucessos e no variado repertório de canções marcantes para várias gerações. Desde os 17 anos, quando lançou seu primeiro álbum, “Baby One More Time”, Britney encontrou na música não só uma forma de vida, mas também uma ferramenta para expressar seus sentimentos e desejos mais profundos com palavras que sem dúvida tocam os fãs e fazem com que eles vejam na princesa do pop um reflexo das suas próprias vivências.

Por isso, ao escutar músicas como “Overprotected” ou “Lucky” é impossível não sentir cada palavra como um pedido de socorro, diante da pressão de crescer em um ambiente como Hollywood, no qual as lentes e as luzes das câmeras não paravam de assediá-la. Por isso, para entrar no clima do documentário, convidamos você para relembrar, se divertir e analisar esta seleção das músicas que anunciavam — sem que soubéssemos — a tempestade que Britney enfrentaria anos depois e que a levou a uma batalha judicial inimaginável com a família, como retrata JAMIE VS BRITNEY: O JULGAMENTO DA FAMÍLIA SPEARS.

OVERPROTECTED
Esta eletro pop lançada em 2001 mostra como Britney se sentia superprotegida ao longo da vida, a ponto de revelar na letra que não tinha controle das suas decisões. A artista defende sua necessidade de espaço e diz “não preciso que ninguém me diga o que eu quero”. Foi justamente o que aconteceu sete anos depois.

EVERYTIME
“Everytime” é uma balada composta e interpretada por Britney, em que o piano predomina. Na época do lançamento houve um forte boato de que era dedicada a Justin Timberlake, ex-namorado da cantora, mas isso nunca foi confirmado. De qualquer forma, a música fala sobre a perda do primeiro amor. O que mais chama a atenção é o clipe dirigido por David LaChapelle, que mostra Britney sendo assediada por paparazzis e brigando com seu parceiro, a ponto de querer se suicidar.

LUCKY
Um dos singles mais lembrados do álbum “Oops!… I Did It Again” é “Lucky”, que conta o que acontece com muitos artistas quando atingem um nível de sucesso e de fama inimaginável. De fora, parecem totalmente felizes, mas isso é só uma máscara. Nesta música, por exemplo, Britney fala de uma superestrela, de uma mulher com sorte, mas que por trás do sorriso e da maquiagem esconde muita tristeza e uma vida vazia.

STRONGER
Nem tudo é tristeza! Nesta música que recebeu vários prêmios, Britney mostra seu lado empoderado, exatamente o que precisou manter durante todo esse tempo para superar tudo o que aconteceu com ela. Hoje soa ainda mais forte do que ontem. Trata-se da música perfeita para cantar aos berros na frente do espelho.

MY PREROGATIVE
“Não preciso de autorização, eu tomo as minhas próprias decisões”, diz Britney nesta música na qual, novamente, defende que a deixem viver tranquila e parem de falar da sua intimidade. A faixa faz parte do seu primeiro álbum de grandes sucessos, “Greatest Hits: My Prerogative”, lançado em 2014 e que vendeu 5,6 milhões de cópias no mundo. Foi considerada pela imprensa uma resposta a quem criticou seu casamento com o dançarino Kevin Federline.

Não se esqueça de adicionar à sua playlist outros hits marcantes da carreira dessa artista incrível como “Oops!…I Did It Again”, “Baby One More Time” e “Toxic”. Você já estará pronto para ver JAMIE VS BRITNEY: O JULGAMENTO DA FAMÍLIA SPEARS na HBO Max.


Clique aqui para assistir ao trailer – https://www.youtube.com/watch?v=nud8xMJg2Qo

Conteúdo Relacionado