fbpx

Meia 92

sábado, 2 de março de 2024

O presidente Lula decreta Intervenção Federal no DF

Multidão em frente à praça dos três poderes em Brasília. Lula decreta Intervenção Federal no DF

O presidente Lula decreta Intervenção Federal no DF até o dia 31 de janeiro. O objetivo é devolver a ordem pública, após a invasão de do Palácio do Planalto, do Supremo Tribunal Federal e do Congresso Nacional. Milhares de bolsonaristas se dirigiram à praça dos 3 Poderes e iniciam a invasão. Pelas imagens divulgadas, houve muita destruição e até uma cadeira do STF com um brasão da República foi filmada do lado externo do prédio.

Lula, que está em visita à cidade de Araraquara, fortemente atingida pelas chuvas dos últimos dias, acabou de ler um decreto de Intervenção Federal no DF e afirmou que os “terroristas” serão identificados e presos. Ao longo da tarde, diante da inércia das autoridades policias, o governador do DF, Ibaneis Rocha, exonerou o secretário de Segurança do Distrito Federal, Anderson Torres, ex-ministro da Justiça do governo Bolsonaro.

A AGU acaba de peticionar o Supremo Tribunal Federal pedindo que sejam adotadas algumas medidas, dentre elas a prisão em flagrante dos envolvidos, inclusive do secretário de Segurança do DF e mais agentes públicos responsáveis por atos ou omissões.

As imagens que chegam mostram uma grande destruição dentro dos três prédios, inclusive com alagamento do salão verde pelo sistema de combate a incêndio. Até o momento a PM informa a prisão de 150 pessoas. A repercussão dos atos é forte por parte das autoridades do Brasil e do mundo.

Foto: TV

Conteúdo Relacionado