fbpx

Meia 92

sábado, 2 de março de 2024

Fundação Dorina Nowill traduz o sentimento natalino com IA

baixa

 

Escrever cartinhas de Natal com o Papai Noel como remetente é uma tradição natalina que se perpetua ao longo dos anos. Pensando nas crianças, jovens e adultos cegos e com baixa visão e nessa tradição, a Fundação Dorina Nowill para Cegos promove pelo terceiro ano consecutivo a plataforma “Adote um Áudio”, que substitui os textos escritos por áudios e permite que qualquer um realize os sonhos natalinos dessas pessoas.

“Como é o Papai Noel para você?”. Parece uma pergunta boba e sem sentido, mas quando feita para pessoas cegas ou com baixa visão, ela ganha respostas inesperadas. Cheiro de amendoim, barba de algodão-doce ou fofo como uma almofada.
Criada pela Lew’Lara\TBWA, a ação “Sentindo o Natal”, parte da plataforma “Adote um Áudio”, em 2022 ganha contornos ainda mais modernos: as crianças, adolescentes e adultos atendidos pela Fundação Dorina tiveram suas cartinhas em áudio para o Papai Noel submetidas à inteligência artificial, que recriou o emblemático bom velhinho segundo eles. Confira o filme da campanha.

“O Natal é uma data muito visual. São os enfeites coloridos, o brilho das luzinhas, as decorações temáticas. E, claro, até o Papai Noel. Mas a magia do Natal vai além do que a gente vê. É o que nós sentimos. E é exatamente isso o que a crianças da Fundação Dorina Nowill para Cegos nos ensinam nessa campanha”, completa Rodrigo da Matta, diretor executivo de criação da Lew’Lara\TBWA.

A partir de hoje, até 21 de dezembro, mais de 60 histórias narradas por crianças, jovens e adultos pela Fundação Dorina estarão disponíveis para serem adotadas. Para participar, basta acessar Link, escutar as histórias disponíveis e, para aquela que mais se identificar, clicar em “adotar”, que automaticamente será redirecionado para o check out via PayPal.

E mais: além da adoção dos áudios, que podem se esgotar conforme os apadrinhamentos antes do encerramento da campanha, as pessoas conseguem fazer uma contribuição financeira para a entidade, que será direcionada para atividades e atendimentos gratuitos prestados pela Fundação Dorina, ao longo de todo o próximo ano.

“O Papai Noel é um dos símbolos mais icônicos do Natal. Crescemos com a imagem do “bom velhinho”, que distribui presentes em 25 de dezembro. De certa forma, a campanha Adote um Áudio vem para resgatar essa magia natalina. Vamos estimular a inclusão ao mesmo tempo realizamos os desejos de crianças e adultos cegos e com baixa visão”, comenta Alexandre Munck, Superintendente Executivo da Fundação Dorina Nowill para Cegos.

A ação foi criada e operacionalizada pela agência Lew’Lara\TBWA, e contou com a parceria de empresas como a Produtora Pancs, por meio da Judith Belfer (diretora de cena) e a Marcia Branco (produtora), responsável pela captação de imagem, e da Cabaret Audio, por meio da Ingrid Lopes, pelo tratamento dos áudios. Para dar ainda mais visibilidade, “Adote um Áudio” conta também com o apoio da Eletromídia com OOH.

 

 

Conteúdo Relacionado